segunda-feira, 17 de julho de 2017

Demasiada Pressão

Já saíram as notas dos exames e até tive boas notas!
Isto significa que chegou a altura do ano em que tenho de decidir a minha vida inteira, ou seja, a altura do ano em que me tenho de candidatar para a universidade.
Provavelmente não sou a única a sentir isto, foi por isso que decidi partilhar o que sinto aqui.
Estou a sentir uma enorme pressão nesta decisão.
Uma das razões são as pessoas estarem constantemente a perguntarem-me se já sei o que quero seguir e para que cidade vou. Querem sempre ouvir uma resposta certa e não um "Ainda estou a ver" como eu dou, notasse o olhar de desilusão.
Outra questão é a dificuldade do ensino superior.
Imagem de black and white, art, and photographyNa minha cabeça a faculdade é um grande "bicho papão" (segundo a minha irmã). Eu penso que não vou conseguir. Porque sei que não vou entendem? Eu tenho tido tantas dificuldades no secundário, como ei-de de conseguir na faculdade em que tudo é mais difícil?!
Outra coisa é o que eu penso, o que o meu pobre coração me diz. Eu não me imagino a fazer nada do que os cursos que a minha média sugere.
Eu não me imagino sentada numa secretária a trabalhar, ou num campo enorme onde posso investigar.
Eu imagino-me numa casa, cheia de plantinhas, tintas e muitas telas e pintar enquanto ouço a minha música Indie e à noite apresentar os meus trabalhos num museu enquanto tento tirar toda a tinta dos meus dedos; Imagino-me numa grande orquestra a tocar e a ensaiar horas e horas seguidas até deitar sangue do lábio para no final ser aplaudida por centenas de pessoas.
Porque são essas coisas que me fazem feliz entendem?
 Tenho dado em maluca com isto, farta de chorar e de ter ataques de ansiedade.
E depois saber que não tenho ninguém, que estou completamente sozinha nisto... Era tão bom que o nosso futuro viesse até nós e dissesse "Vais ser feliz se tirares o curso X na universidade Y".
Desculpem o desabafo mas eu precisava muito disto e obrigada se leram isto tudo até aqui.

3 comentários:

  1. É super normal estares assim querida, faz parte desta fase tão importante.
    Se é essas áreas que realmente te fazem feliz porque não ficas mais um ano a fazer melhorias? Ou se preferires entrar já procura bem todos os cursos que existem, há faculdades, como no meu caso, que têm cursos em pós-laboral e as médias são mais baixinhas. Há listas na net de todos os cursos e com as respetivas médias do ano passado, já as vistes? Qualquer coisa manda-me um e-mail, eu tento ajudar-te no que poder! Força linda

    ResponderEliminar
  2. Como é que tu já sabes que não vai correr bem se ainda não estás lá?
    A universidade só será mais difícil que o secundário, em termos de estudos, se tu quiseres!! Tens de ter calma, escolher algo que tu queiras porque tu te sentirás bem com a decisão que tomaste, não penses nos outros, não são eles que vão estar lá na tua vez. É muito importante escolher algo que gostes, porque escolhendo assim, estudá-lo será muito mais simples!
    Eu sei do que falo, tinha imenso medo de entrar na universidade, foi um filme muito grande, acabei num sítio totalmente diferente do que pensava até setembro do ano que entrei. Agora, estou no fim da minha licenciatura.

    ResponderEliminar
  3. Eu tenho uma visão muito impopular no que toca a cursos universitários e a empregos: defendo que devemos escolher um curso que gostamos, independentemente das saídas de emprego. É a primeira vez que visito o teu blogue, mas pelo que escreveste deduzo que gostas de áreas ligadas às Artes: como ainda não escolheste nenhum curso e já andas com problemas de ansiedade só de pensar no assunto, penso que deves fazer uma lista do que mais gostas e comparar com os cursos que tens em mente e encontrares aquele que é mais compatível com as tuas preferências.
    Também não deves ter receio de falhar: a natureza humana não é infalível. É mais saudável reconhecermos que iremos falhar em determinados momentos do que termos medo desses mesmos momentos quando ainda não aconteceram, porque vais aceitar melhor os teus erros e conseguir evitá-los mais eficazmente.
    Agarra-te ao que te faz feliz e escolhe aquilo que te preenche. Se não tens média concordo com a Simple Girl, que mais vale fazeres um ano de melhoria.
    Desejo-te muita força :)

    ResponderEliminar